MENU

Telemedicina será implantada na rede pública de Fortaleza; entenda como irá funcionar

O cronograma de implantação foi dividido em duas etapas; sendo que a primeira já está em execução.
Serão mais de 1,4 mil cidades beneficiadas com novos médicos. (Foto: Daniel Calvet/PMF)

Usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) passarão a contar com o serviço de telemedicina em todos os postos de saúde da capital cearense. Com o recurso tecnológico, a Prefeitura de Fortaleza pretende qualificar e reduzir as filas para consultas com médicos especialistas.

A inovação foi anunciada nesta quarta-feira (12/07), pelo prefeito José Sarto. “Nós vamos fazer a atenção básica de Fortaleza ser a melhor do Brasil”, ressaltou o gestor. Segundo ele, o cronograma de implantação foi dividido em duas etapas; sendo que a primeira já está em execução.

O serviço consiste em uma troca de informações, via sistema, entre o médico do posto de saúde e um médico especialista, com objetivo de esclarecer dúvidas sobre as condições clínicas de um paciente. A ferramenta permite ainda que o médico realize o envio de arquivos como fotos e laudos de exames.

“Se um médico clínico de um posto de saúde encontrar uma mancha suspeita no braço de um paciente e quiser conversar com um dermatologista sobre a possibilidade de ser algo cancerígeno, ele fará isso de forma virtual. Acredito que com isso nós possamos resolver quase 80% das situações que demandam a opinião do especialista”, explica o secretário da Saúde de Fortaleza, Galeno Taumaturgo.

Atualmente, estão disponíveis as seguintes especialidades: Cardiologia; Dermatologia; Endocrinologia; Ginecologia; Obstetrícia; Urologia e Mastologia. A próxima especialidade disponibilizada será a odontologia, abrangendo informações em: cirurgia bucomaxilofacial, dentística, estomatologia, endodontia, odontopediatria, periodontia e prótese.

Os médicos especialistas que esclarecem as dúvidas já fazem parte do quadro da Rede Municipal de Saúde. A consulta pode ser solicitada pelo médico para diagnósticos e tratamentos, com tempo de resposta de até 72h. Durante o projeto piloto de aprimoramento do sistema, foram realizadas mais de 500 consultas. 

A segunda etapa do projeto de telemedicina será a teleconsulta, em que os usuários do SUS terão acesso a uma consulta com médico especialista, de forma virtual, por meio do computador ou celular. O início da segunda etapa está previsto para 60 dias após a implantação da primeira, ou seja, em setembro deste ano.

54
Compartilhe:
Mercado
Clima/Tempo
Mais Lidas
Governo do Ceará combate a insegurança alimentar no Estado com o Programa Ceará Sem Fome
Ceará Credi transforma pessoas e a economia por meio de incentivo a pequenos empreendedores
Conheça as 8  fotos mais famosas do mundo e a história por trás de cada uma delas
Mais de 1000 Cozinhas Ceará Sem Fome levam alimento diário a famílias em todo o Estado
A história que você não conhece: a ligação de uma cidade cearense à Independência do Brasil
‘Evidências do Amor’, filme estrelado por Sandy e Fábio Porchat, tem ar de comédia romântica clássica
Prefeitura de Fortaleza é a primeira do Norte e Nordeste no ranking de matrículas na Educação Inclusiva
Teresina não terá aumento da passagem de ônibus, anuncia secretaria
Confira a programação de 13 de Maio, Dia de Nossa Senhora de Fátima, em Fortaleza, nesta segunda-feira
Relíquias de Santa Teresinha poderão ser visitadas por Fortaleza a partir desta quinta (25)

Notícias relacionadas:

Design sem nome (14)
Ceará
Banhista desaparece em alto mar após se afogar na Beira-Mar, em Fortaleza
Fotos (13)
Ceará
Tratamento para clarear pelos pode ser fator de risco para início de câncer, indica pesquisa
Fotos (12)
Ceará
Bairros de Fortaleza e Caucaia ficarão sem água nesta quinta-feira (25); veja lista  
Elmano anuncia a convocação de 125 novos professores para a Universidade Vale do Acaraú
Ceará
Elmano anuncia a convocação de 125 novos professores para a Universidade Vale do Acaraú
logo-urbnews-redondo