MENU

Quem é Fernando Villavicencio, candidato à presidência assassinado no Equador

Fernando deixava um comício na capital Quito quando foi atingido por três tiros na cabeça. Ele deixa cinco filhos
Fernando foi morto com três tiros na cabeça ao deixar um compromisso eleitoral, na capital Quito. (Foto: Reprodução/Página Pessoal.

Fernando Villavicencio, de 59 anos, disputava a cadeira da presidência do Equador nas eleições que acontecem no próximo dia 20 de agosto. No entanto, o político teve sua vida abreviada na tarde desta quarta-feira (9), quando foi morto com três tiros na cabeça ao deixar um compromisso eleitoral na capital Quito.  

Nascido em 11 de outubro de 1963, em Alausí, Fernando Alcibiades Villavicencio Valencia era pai de cinco filhos, era jornalista, sindicalista e ativista político. Viveu uma vida pobre em Quito, para onde foi com a família aos 13 anos. Sendo o mais velho de seis irmãos, ele disse em entrevista ao El Universo que trabalhava durante o dia como garçom e estudava à noite. 

Ele estudou jornalismo e comunicação na Universidade Cooperativa da Colômbia. Mas logo depois, deu entrada na carreira política, sendo um dos fundadores do Partido Pachakutik, em 1995.

No ano seguinte, ingressou na Petroecuador, a companhia petrolífera estatal do país. Lá, além de atuar com jornalismo, assumiu também posições sindicais. Foi demitido em 1999 por uma ordem do então presidente Jamil Mahuad. 

Já em 2017, concorreu e conseguiu se eleger na Assembleia Nacional. Ocupou o cargo até maio deste ano, quando o presidente Guillermo Lasso assinou a “morte cruzada”, que resultou na dissolução do parlamento equatoriano.

Fernando foi o primeiro a anunciar ter a intenção de disputar a presidência do Equador. Em maio, sua chapa com a ambientalista Andrea González foi anunciada pelo partido Movimento Construye. Ele se apresentava aos eleitores como um combatente à corrupção sob o slogan “É hora dos corajosos”.

Dentre as suas propostas, estava a de construir “uma prisão de segurança máxima” para prender os criminosos mais perigosos, a militarização dos portos para controlar o narcotráfico e a criação de uma unidade antimáfia que, “com apoio estrangeiro”, perseguiria “os narcotraficantes, sequestradores e todo tipo de organização criminosa”. 

O que se sabe sobre a morte

Um dos suspeitos de assassinar o candidato foi morto durante troca de tiros com a polícia, segundo autoridades equatorianas. Outras seis pessoas suspeitas de participação no crime foram presas em flagrante durante incursões realizadas em Conocoto e San Bartolo, em Quito, com a supervisão legal do Ministério Público do Estado.

Depois do assassinato, membros da facção criminosa Los Lobos assumiram a responsabilidade pelo assassinato de Villavicencio. “Toda vez que políticos corruptos não cumprem suas promessas quando recebem nosso dinheiro, eles serão demitidos”, afirma um integrante não identificado, em áudio divulgado nas redes sociais.

Em nota, o Itamaraty afirmou que “o governo brasileiro tomou conhecimento, com profunda consternação, do assassinato”. 
Ao manifestar a confiança de que os responsáveis por esse deplorável ato serão identificados e levados à justiça, o governo brasileiro transmite suas sentidas condolências à família do candidato presidencial e ao governo e povo equatorianos“, segue a nota.

111
Compartilhe:
Mercado
Clima/Tempo
Mais Lidas
Governo do Ceará combate a insegurança alimentar no Estado com o Programa Ceará Sem Fome
Ceará Credi transforma pessoas e a economia por meio de incentivo a pequenos empreendedores
Mais de 1000 Cozinhas Ceará Sem Fome levam alimento diário a famílias em todo o Estado
A história que você não conhece: a ligação de uma cidade cearense à Independência do Brasil
Prefeitura de Fortaleza é a primeira do Norte e Nordeste no ranking de matrículas na Educação Inclusiva
Conheça as 8  fotos mais famosas do mundo e a história por trás de cada uma delas
Relíquias de Santa Teresinha poderão ser visitadas por Fortaleza a partir desta quinta (25)
Confira os horários das missas nas paróquias de Fortaleza durante a Semana Santa
Confira a programação de 13 de Maio, Dia de Nossa Senhora de Fátima, em Fortaleza, nesta segunda-feira
Nova série da Urbnews traz vidas transformadas por ações do Governo do Ceará

Notícias relacionadas:

Design sem nome (18)_Easy-Resize.com
Nokia relança o modelo clássico de celular, o “tijolão”, após 25 anos
Fotos (8)
Primeiro-ministro da Eslováquia fica ferido após ser baleado; suspeito foi preso
foto site - 1
Homem que recebeu transplante de rim de porco morre nos Estados Unidos
image (14)
Supertempestade solar ameaça redes elétricas neste fim de semana, diz Nasa
logo-urbnews-redondo