MENU

Incentivos do governo aquecem mercado de veículos novos; mês de julho bateu recordes

Resultados das MPs editadas pelo Governo Federal em junho tiveram reflexos mais expressivos no mês de julho, em função do tempo da troca de notas fiscais entre montadoras e concessionárias.
Segundo informações da Fenabrave, foram emplacados 215.711 carros em julho, alta superior a 20% sobre junho deste ano. (Foto: Divulgação/Fenabrave)

Os descontos patrocinados concedidos pelo Governo Federal por meio das Medidas Provisórias no. 1175 e no. 1178, editadas em junho para criar transações de veículos mais sustentáveis, deram resultado e fizeram com que julho atingisse o melhor resultado nos emplacamentos de automóveis e comerciais leves em 2023.

Segundo informações da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), foram emplacados 215.711 carros em julho, alta superior a 20% sobre junho, aumento de 27,5% sobre julho de 2022 e de quase 13% sobre o acumulado do ano passado. O melhor resultado de 2023, até então, havia sido registrado em março, com 186.574 unidades emplacadas no mercado interno.

Considerando todos os segmentos automotivos, o mês de julho registrou 367.192 unidades emplacadas, uma alta de 5,4% sobre junho e de 19,3% sobre julho de 2022. Segundo o presidente da Fenabrave, Andreta Jr., esse resultado pode ser explicado principalmente pelo intervalo de cerca de 15 dias que existe entre o fechamento do negócio na concessionária e o emplacamento do veículo.

“Como boa parte das negociações estimuladas pelo desconto tributário ocorreu nos últimos dias de junho e em julho, o resultado deste último mês captou bem os efeitos das Medidas Provisórias”, explica Andreta Jr., complementando: “Isso fica ainda mais claro ao analisarmos a média dos emplacamentos diários, que foi de cerca de 8,5 mil unidades, em junho, e de mais de 10 mil em julho”, completa.

Medidas

Ao todo, as Medidas Provisórias (MPs) nº 1.175 (editada em 6 de junho) e nº 1.178 (editada em 30 de junho) destinaram R$ 1,8 bilhão em descontos tributários nas transações de veículos, sendo R$ 800 milhões para os segmentos de automóveis e comerciais leves, R$700 milhões para caminhões e R$300 milhões para ônibus.

“De forma efetiva para autos e leves, a iniciativa, aliada aos descontos adicionais, oferecidos pelas montadoras e suas redes de concessionárias, além das taxas especiais dos bancos das fabricantes, aqueceu o mercado automotivo, que enfrenta um ano desafiador, em função da perda do poder de compra da população e da alta seletividade de crédito por parte das instituições financeiras”, comentou o presidente da Fenabrave.

Para ele, “as medidas do Governo aqueceram, momentaneamente, as transações de veículos novos, contribuindo para a manutenção de empregos em toda a cadeia automotiva, além de colaborar para uma mobilidade mais segura e sustentável, à medida em que incentivou a renovação da frota”, reforça Andreta Jr., fazendo um alerta:

“No entanto, do ponto de vista econômico, é muito importante para o País manter nosso setor aquecido. Por isso, a Fenabrave acredita ser necessária a criação de um plano sustentado de recuperação do setor automotivo que não seja temporário e que não envolva perda de arrecadação de impostos, mas mecanismos de crédito que permitam, ao consumidor, readquirir poder de compra. Estamos finalizando esse estudo e esperamos apresentá-lo ao Governo em breve”, conclui Andreta Jr.

Com informações da Fenabrave.

38
Compartilhe:
Mercado
Clima/Tempo
Mais Lidas
Governo do Ceará combate a insegurança alimentar no Estado com o Programa Ceará Sem Fome
Ceará Credi transforma pessoas e a economia por meio de incentivo a pequenos empreendedores
Mais de 1000 Cozinhas Ceará Sem Fome levam alimento diário a famílias em todo o Estado
A história que você não conhece: a ligação de uma cidade cearense à Independência do Brasil
Conheça as 8  fotos mais famosas do mundo e a história por trás de cada uma delas
Prefeitura de Fortaleza é a primeira do Norte e Nordeste no ranking de matrículas na Educação Inclusiva
Relíquias de Santa Teresinha poderão ser visitadas por Fortaleza a partir desta quinta (25)
Confira os horários das missas nas paróquias de Fortaleza durante a Semana Santa
Confira a programação de 13 de Maio, Dia de Nossa Senhora de Fátima, em Fortaleza, nesta segunda-feira
Nova série da Urbnews traz vidas transformadas por ações do Governo do Ceará

Notícias relacionadas:

foto site (39)
Inscrições para Enem 2024 começam na segunda-feira, dia 27
foto site berg (52)
IBGE: quase 94% da população brasileira se vacinou contra covid-19
Fotos
Magda Chambriard assume presidência da Petrobras após aprovação do conselho
Fotos (3)
Novo alerta de emergência para chuvas deve operar até dezembro no Sul e Sudeste
logo-urbnews-redondo