MENU

Uso de telas causa atraso no desenvolvimento de bebês; entenda o porquê 

O constante contato de crianças e bebês com as telas foi comprovado como um dos fatores que causam o atraso de fala entre outros desenvolvimentos ocorridos nessa fase. A Sociedade Brasileira de Pediatria recomenda que menores de dois anos não façam uso de telas.
Foto: Freepik

Deixar o bebê assistindo desenhos ou jogos interativos no celular é uma forma encontrada pelos pais para conseguir distrair os mais novos. Entretanto, o uso de eletrônicos por crianças está sendo debatido após a Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura) recomendar que celulares sejam banidos das escolas em todo o mundo.

Um estudo publicado recentemente no renomado The Journal of the American Medical Association Pediatrics, dos Estados Unidos, trouxe preocupações sobre os efeitos da exposição excessiva a telas em crianças e bebês, em especial com até um ano de idade. Embora as telas tenham se tornado parte integrante da vida moderna, o estudo destaca um impacto potencialmente prejudicial nas habilidades fundamentais das crianças.

A psicóloga clínica Manuella Bayma, do Espaço Transforma Infância, em Fortaleza, comenta sobre os malefícios que a exposição a telas pode causar, e diz que: “A consequência antecipada vai influenciar na forma como o cérebro se estrutura e também como os comportamentos e como a convivência da criança vai se estabelecendo. Ou seja, a gente tem ali uma criança que vai estar se comportando de forma passiva, frente a uma tela, que fornece uma série de estímulos, ao invés de estar socializando com outras crianças, em contato com a natureza, aprendendo de forma sensorial, de forma socioemocional”.

Os resultados do estudo indicaram que o desenvolvimento de habilidades de comunicação e resolução de problemas foram particularmente afetados quando as crianças atingiram a marca de 2 e 4 anos.

Além disso, as habilidades motoras finas e aspectos das interações pessoais e sociais também demonstraram atrasos em crianças expostas a um maior tempo de tela durante o primeiro ano de vida. No entanto, uma descoberta intrigante foi observada: os atrasos pareceram diminuir conforme as crianças alcançaram a idade de 4 anos.

A pesquisa também ressalta a importância de diretrizes claras para os pais e cuidadores, a fim de garantir um equilíbrio saudável entre a exposição à tecnologia e as atividades tradicionais que promovem o desenvolvimento holístico das crianças. Dessa forma, trazendo essa realidade para o Brasil, a Sociedade Brasileira de Pediatria, também, não recomenda o uso de tela para menores de dois anos por nenhum tempo.

A Sociedade Brasileira de Pediatria recomenda que o uso de telas para as crianças/ pré-adolescentes aconteça da seguinte forma: 

  • 0 a 2 anos: não tenha nenhum contato com telas; 
  • 2 aos 5 anos: 1 hora de tela por dia; 
  • 6 aos 10 anos: 2 horas de tela por dia; 
  • 10 a 13 anos: 3 horas de tela por dia. 

Atualmente, o uso de eletrônicos por crianças está sendo também debatido após a Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura) recomendar que celulares sejam banidos das escolas em todo o mundo.

Confira o estudo americano no link: https://jamanetwork.com/journals/jamapediatrics/fullarticle/2808593 

48
Compartilhe:
Mercado
Clima/Tempo
Mais Lidas
Governo do Ceará combate a insegurança alimentar no Estado com o Programa Ceará Sem Fome
Ceará Credi transforma pessoas e a economia por meio de incentivo a pequenos empreendedores
Mais de 1000 Cozinhas Ceará Sem Fome levam alimento diário a famílias em todo o Estado
A história que você não conhece: a ligação de uma cidade cearense à Independência do Brasil
Conheça as 8  fotos mais famosas do mundo e a história por trás de cada uma delas
Prefeitura de Fortaleza é a primeira do Norte e Nordeste no ranking de matrículas na Educação Inclusiva
Relíquias de Santa Teresinha poderão ser visitadas por Fortaleza a partir desta quinta (25)
Confira os horários das missas nas paróquias de Fortaleza durante a Semana Santa
Confira a programação de 13 de Maio, Dia de Nossa Senhora de Fátima, em Fortaleza, nesta segunda-feira
Nova série da Urbnews traz vidas transformadas por ações do Governo do Ceará

Notícias relacionadas:

Design sem nome (5)
Palco desaba em comício com candidato à presidência do México e deixa 9 mortos
Fotos-2-4
Procurador do Tribunal Internacional pede prisão de Netanyahu e líderes do Hamas
Fotos
Irã confirma morte de Ebrahim Raisi, e vice-presidente é nomeado chefe de Estado interino
foto site berg (32)
Às vésperas de possível extradição, Lula pede liberdade de Assange
logo-urbnews-redondo