MENU

Polícia Civil vai investigar vereador cearense por fala sobre tirar autismo na “chibata”

Ao se defender da repercussão negativa, Eúde afirmou que o trecho foi cortado e publicado fora do contexto. Ele também se desculpou pela infelicidade na declaração.
Eúde fez a declaração nesta quarta-feira (20), durante sessão online em transmissão na Câmara Municipal de Jucás, no interior do Ceará. Foto: Reprodução/Câmara Municipal Jucás.

Uma declaração polêmica do vereador cearense Eúde Lucas (PDT), presidente da Câmara de Jucás, sobre resolver autismo na “chibata” e na “peia”, causou repercussão negativa por todo o país e deve ser investigada pela Polícia Civil do Ceará. Um inquérito vai apurar se o parlamentar praticou crime de discriminação contra pessoa com deficiência, como previsto no artigo 88 da lei 15.146/15.

Eúde fez a declaração nesta quarta-feira (20), durante sessão online em transmissão na Câmara Municipal de Jucás, no interior do Ceará. Não só parlamentares de outras legendas como também alguns de seus próprios correligionários repudiaram a fala, inclusive, pedindo expulsão do partido. 

“Pela declaração que os artistas, os autores, sei lá, tá rondando. Eu digo que eu acho que eu era autista, só que o meu pai tirou o autista na peia. No meu tempo tirava o autista era na chibata. Porque eu era um menino meio traquino”, disse Eúde em sessão na Câmara Municipal. 

O deputado federal Leo Prates, do PDT-BA, disse que as falas do seu correligionário não podem ser aceitas. “É lamentável que uma pessoa eleita para representar a população, utilize sua fala para despejar preconceito, demonstrando total desconhecimento de uma condição que afeta milhões de pessoas”, escreveu nas redes.

‘Decidimos solicitar a exclusão de Eúde Lucas, do PDT. Acreditamos que o posicionamento não coaduna com o que preconizam as bases do nosso partido”, informou o parlamentar baiano.

As cobranças por punição às falas do vereador cearense ultrapassam as correntes pedetistas, a deputada federal Dayany Bittencourt (UNIÃO-CE), defensora da causa, disse lamentar “muito a desinformação que leva um ser humano a falar tamanho absurdo”.

“É triste saber que uma pessoa na posição que este senhor ocupa, falar que ‘autismo se cura na peia’. Nós que tanto lutamos pela inclusão de verdade, precisamos, todos os dias, lidar com o preconceito, a falta de acessibilidade e diversos percalços, por isso, pessoas públicas, que foram eleitas pelo povo e ocupam posições a fim de representá-los, deviam dar exemplo”, declarou.

A parlamentar informou ainda que já protocolou, na Câmara dos Deputados, “uma moção de repúdio a esta fala descabida”.

Após a repercussão negativa, Eúde divulgou nota de esclarecimento nas redes sociais sobre a fala polêmica. Eúde afirmou que o trecho foi cortado e publicado fora do contexto. Ele também se desculpou pela infelicidade na declaração. 

“Peço desculpa para alguns pais e mães de autistas que se sentiram ofendidos. Então eu quero aqui pedir perdão se me expressei mal, aos pais e aos amigos e as pessoas que tem autista na família, de ter me expressado mal nesse momento”. 

“E mais uma vez eu me reporto aqui pedindo perdão, pedindo desculpa, se a mal interpretação, o que fizeram com minha fala causei algum transtorno, algum mal a alguma família, a alguma pessoa”, esclareceu.

Veja à íntegra do esclarecimento do parlamentar:

11
Compartilhe:
Mercado
Clima/Tempo
Mais Lidas
Governo do Ceará combate a insegurança alimentar no Estado com o Programa Ceará Sem Fome
Ceará Credi transforma pessoas e a economia por meio de incentivo a pequenos empreendedores
Mais de 1000 Cozinhas Ceará Sem Fome levam alimento diário a famílias em todo o Estado
A história que você não conhece: a ligação de uma cidade cearense à Independência do Brasil
Conheça as 8  fotos mais famosas do mundo e a história por trás de cada uma delas
Prefeitura de Fortaleza é a primeira do Norte e Nordeste no ranking de matrículas na Educação Inclusiva
Relíquias de Santa Teresinha poderão ser visitadas por Fortaleza a partir desta quinta (25)
Confira os horários das missas nas paróquias de Fortaleza durante a Semana Santa
Confira a programação de 13 de Maio, Dia de Nossa Senhora de Fátima, em Fortaleza, nesta segunda-feira
Nova série da Urbnews traz vidas transformadas por ações do Governo do Ceará

Notícias relacionadas:

Bp1A60IsPbDHot92 - frame at 0m21s
Lula diz que a “tendência é vetar” taxação sobre compras online: “muita bugiganga”
Design sem nome (9)
Comissão do Senado aprova castração química para reincidentes em crimes sexuais
Fotos (5)
TRE do Rio de Janeiro absolve Cláudio Castro e mantém seu mandato como governador
foto site - 1
STF proíbe desqualificação de mulher vítima de violência sexual
logo-urbnews-redondo