MENU

Eclipse solar anular será visível no Nordeste dia 14; saiba como observar com segurança

O eclipse será visível em todas as capitais do Brasil, com maior nitidez no Nordeste. Óculos próprios para observação serão distribuídos no Ceará.
Também conhecido como "anel de fogo", o eclipse anular ocorre quando a Lua, a Terra e o Sol se alinham, sem que a Lua cubra completamente o Sol, resultando na visibilidade parcial da borda solar. (Foto: Divulgação/NASA)

Um eclipse solar anular, também conhecido como “anel de fogo”, será visível em todas as capitais do Brasil no próximo dia 14 de outubro, fazendo deste fenômeno comum um dos principais eventos da astronomia brasileira do século.

O eclipse anular ocorre quando a Lua, a Terra e o Sol se alinham, sem que a Lua cubra completamente o Sol, resultando na visibilidade parcial da borda solar. O máximo do eclipse ocorrerá às 16h51 (horário de Brasília), e o evento termina às 17h50 – totalizando 2 horas e 7 minutos. 

Nos estados do Amazonas, Pará, Tocantins, Maranhão, Piauí, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba e Pernambuco, o eclipse será visível como anular. Natal e João Pessoa vão ser as melhores capitais para observar o fenômeno. Nos demais estados, será parcialmente visível.

O eclipse solar não é um fenômeno necessariamente raro, ocorrendo uma ou duas vezes por ano, mas a sua visibilidade sim. O último eclipse anular do Sol, por exemplo, aconteceu em junho de 2021, mas não foi visível no Brasil.

Observando com segurança

Para quem tiver interesse em observar o fenômeno, é fundamental saber que ele não deve ser visto a olho nu em hipótese alguma, e nem com óculos de sol comuns; são necessários óculos especiais com filtro de luz solar.

“Para ver o eclipse, podemos fazer observação indireta, por projeção, ou observação direta somente com o uso de óculos com filtros solares certificados (ISO 12312-2)”, afirma Josina Nascimento, astrônoma do Observatório Nacional.

Josina faz alguns alertas para a observação do fenômeno. “Em hipótese alguma se deve olhar diretamente para o Sol, nem mesmo com o uso de películas de Raio-x, óculos escuros ou outro material caseiro”, aponta.

De acordo com a astrônoma, a exposição, mesmo de poucos segundos, pode danificar a retina de modo irreversível. “Para olhar diretamente para o Sol somente com o uso de filtros solares apropriados, telescópios adequados e sob a supervisão de profissionais.”

Mas existem outras formas de projeção ou de observação indireta. “É bem fácil construir um aparato. Pode-se simplesmente usar um pedaço de papelão, como, por exemplo, uma tampa de caixa de pizza, e fazer um furo no meio. Coloca-se um papel branco no chão e direciona-se o furo para a direção do Sol. O eclipse é visto tranquilamente no papel no chão”, orienta.

Distribuição de óculos no Ceará

No Ceará, o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) e o Planetário Rubens Azevedo se uniram para distribuir cerca de 8 mil óculos especiais aos espectadores. A distribuição começou no dia 29 de setembro, durante a solenidade de abertura da Jornada de Astrofísica organizada pelo planetário.

Os óculos possuem um filtro de luz que apresenta menos riscos para os olhos. Eles foram adquiridos graças à parceria com a Organização Educacional Farias Brito e o Charlie Bates Solar Astronomy Project, dos Estados Unidos.

Ao todo, 5 mil unidades serão entregues pela Organização Educacional Farias Brito, e o restante será distribuído até dia 11 de outubro em eventos da Universidade Federal do Cariri (UFCA), Instituto Federal do Ceará (IFCE) e Universidade Regional do Cariri (URCA). 

Na região sul do Ceará será possível ver o eclipse completo, e, de acordo com o Secretário de Ciência e Tecnologia para o Desenvolvimento Social do MCTI, Inácio Arruda, um evento será promovido no município de Santana do Cariri para observar o fenômeno.

Transmissão online

O Observatório Nacional vai transmitir o eclipse anular do Sol em uma edição do evento virtual “O céu em sua casa: observação remota” no Youtube e contará com a parceria de astrônomos amadores e profissionais espalhados na faixa de anularidade.

18
Compartilhe:
Mercado
Clima/Tempo
Mais Lidas
Governo do Ceará combate a insegurança alimentar no Estado com o Programa Ceará Sem Fome
Ceará Credi transforma pessoas e a economia por meio de incentivo a pequenos empreendedores
Conheça as 8  fotos mais famosas do mundo e a história por trás de cada uma delas
Mais de 1000 Cozinhas Ceará Sem Fome levam alimento diário a famílias em todo o Estado
A história que você não conhece: a ligação de uma cidade cearense à Independência do Brasil
‘Evidências do Amor’, filme estrelado por Sandy e Fábio Porchat, tem ar de comédia romântica clássica
Prefeitura de Fortaleza é a primeira do Norte e Nordeste no ranking de matrículas na Educação Inclusiva
Teresina não terá aumento da passagem de ônibus, anuncia secretaria
Confira a programação de 13 de Maio, Dia de Nossa Senhora de Fátima, em Fortaleza, nesta segunda-feira
Relíquias de Santa Teresinha poderão ser visitadas por Fortaleza a partir desta quinta (25)

Notícias relacionadas:

Zé Vaqueiro fala pela primeira vez após a morte do filho: ‘Foram 11 meses de muita luta’
Diversão/Cultura
Zé Vaqueiro fala pela primeira vez após a morte do filho: ‘Foram 11 meses de muita luta’
Estreando a “Cidade da Paz”, 26ª edição do Festival Halleluya começa nesta quarta-feira (17)
Diversão/Cultura
Estreando a “Cidade da Paz”, 26ª edição do Festival Halleluya começa nesta quarta-feira (17)
Fotos (4)
Diversão/Cultura
Mel Maia é barrada na entrada de bar em Paris por conta da roupa: ‘O que tem de errado?’
Brasileira Miranda Lebrão está em edição global de RuPaul’s Drag Race
Diversão/Cultura
Brasileira Miranda Lebrão está em edição global de RuPaul’s Drag Race
logo-urbnews-redondo