MENU

Fortaleza na Sula: Acompanhe as reações da torcida para a final deste sábado

A partida acontecerá no Uruguai com início às 17h (horário de Brasília), e promete ser um dos eventos mais emocionantes para o futebol cearense das últimas décadas
A equipe brasileira busca um título inédito da competição, enquanto os equatorianos jogam pelo bicampeonato, pois já levantaram a taça em 2009. (Foto: Divulgação/ Mateus Lotif/Fortaleza EC)

28 de outubro de 2023, uma data que ficará marcada eternamente na história do esporte nordestino. O Fortaleza Esporte Clube enfrenta hoje a LDU (Equador) no Uruguai, pela final da Copa Sul-Americana. A partida terá início às 17h (horário de Brasília), e promete ser um dos eventos mais emocionantes para o futebol cearense das últimas décadas.

A equipe brasileira busca um título inédito da competição, enquanto os equatorianos jogam pelo bicampeonato, pois já levantaram a taça em 2009. Este último aparenta ter vantagem para cima do Leão do Pici, muito por conta de outros títulos importantes que o levaram para esta final. Porém, o Fortaleza chega com uma bagagem de muito aprendizado e com a vontade de fazer história.

O time tricolor chega descansado ao Uruguai, após sua partida contra o Botafogo pelo Campeonato Brasileiro ter sido adiada, ainda sem data. Na campanha para a final da Sul-Americana, o Fortaleza ficou em primeiro lugar no grupo H, que contava com San Lorenzo (Argentina), Palestino (Chile) e Estudiantes de Mérida (Venezuela).

O “Laion”, como é carinhosamente apelidado pela torcida, busca uma vitória inédita para um time nordestino, e busca fazer uma grande apresentação em campo, para a alegria tanto dos torcedores apaixonados, quanto da equipe técnica dedicada.

Marcelo Paz, presidente do Fortaleza, explica que este é um momento decisivo, e que a ansiedade de estar diante de uma grande conquista não deve afastar o foco do trabalho. “Vamos enfrentar uma equipe extraordinária. Estamos treinando muito, estudando o adversário, e investimos o máximo possível para garantir o melhor desempenho para a equipe”, afirma.

Expectativa da torcida

É um fato que o Fortaleza tenha uma das torcidas mais engajadas do futebol brasileiro. Milhares de torcedores estarão marcando presença no estádio Domingo Burgueño, da cidade de Maldonado, vizinha a Punta del Este, no Uruguai. Nas redes sociais, os amantes apaixonados do time tricolor expressam sua empolgação e ansiedade para a partida deste sábado.

Uma história de vida ligada ao time

Muitos amantes do futebol dizem que você não nasce torcedor, você se torna. Essa premissa está presente no histórico de muitas pessoas que tiveram suas vidas marcadas pela emoção de torcer por um time tão importante, e que esse amor construído e perpassado por gerações faz parte da sua personalidade, da sua própria essência.

Com o apaixonado Logan Oliveira, isso não foi diferente. O estudante de Engenharia de Telecomunicações pela Universidade Federal do Ceará (UFC) conta que teve seu primeiro contato com o Fortaleza ainda criança, através do seu avô materno.

“Ele era um torcedor fanático. A casa dele era pintada de vermelho, azul e branco, tudo dele remetia ao clube, e seu amor o fez acompanhar os altos e baixos do Fortaleza, além de passar esse sentimento para a minha mãe que, por sua vez, o passou para mim”, ele conta.

Logan recorda de assistir seu primeiro jogo com 8 anos, em 2012, ao lado do avô, e mesmo sendo muito pequeno para entender o que acontecia, se lembra vividamente de ficar deslumbrado pela multidão tricolor que estava a sua volta, e de como aquilo o deixou impactado para sempre.

Ele acompanhou todo o “período infernal”, como chama, do Leão do Pici durante sua longa estadia pela Série C. Em 2017, o time conseguiu o acesso para série B, conquista muito comemorada por toda a torcida, porém, infelizmente, o avô de Logan não pode fazer parte dessa grande festa.

“Meu avô sofreu um acidente, semanas antes do Fortaleza conseguir essa vaga. Ele não conseguiu vivenciar essa fase de ouro que o time está vivendo agora. Minha mãe acabou ficando muito sozinha, pois ele era o companheiro dela nos estádios. Eu tomei essa missão para mim e foi aí que eu entendi o que é ser um apaixonado por esse patrimônio do esporte”, explica.

O estudante fica muito feliz com as vitórias que a equipe tricolor vem conseguindo acumular nos últimos anos, e que a volta por cima realizada por ela parece “uma coisa saída de filme, mas que nenhum roteiro de cinema pode repetir o que o Fortaleza fez”, ele ressalta.

Para a final da Sul-Americana, ele será um dos presentes na Praça Raquel de Queirós, que contará com grandes telões de LED para a transmissão da partida. Ele descreve o sentimento de poder estar junto ao clube, nesse momento tão decisivo, como histórico e inédito, além de muito emocionante, e afirma que não conseguiu nem dormir direito dada a tamanha ansiedade para com o evento.

“Eu sou muito supersticioso, então já preparei toda a minha roupa e meu equipamento da sorte para acompanhar o jogo. Cada vez que alguma rede social do time posta algo sobre eu começo a me tremer e até já chorei. Eu só quero que o Fortaleza ganhe, eu que eu possa comemorar a vitória e saber que eu fiz parte de toda essa história”, finaliza.

12
Compartilhe:
Mercado
Clima/Tempo
Mais Lidas
Governo do Ceará combate a insegurança alimentar no Estado com o Programa Ceará Sem Fome
Ceará Credi transforma pessoas e a economia por meio de incentivo a pequenos empreendedores
Mais de 1000 Cozinhas Ceará Sem Fome levam alimento diário a famílias em todo o Estado
A história que você não conhece: a ligação de uma cidade cearense à Independência do Brasil
Prefeitura de Fortaleza é a primeira do Norte e Nordeste no ranking de matrículas na Educação Inclusiva
Conheça as 8  fotos mais famosas do mundo e a história por trás de cada uma delas
Relíquias de Santa Teresinha poderão ser visitadas por Fortaleza a partir desta quinta (25)
Confira os horários das missas nas paróquias de Fortaleza durante a Semana Santa
Confira a programação de 13 de Maio, Dia de Nossa Senhora de Fátima, em Fortaleza, nesta segunda-feira
Nova série da Urbnews traz vidas transformadas por ações do Governo do Ceará

Notícias relacionadas:

Design sem nome (16)_Easy-Resize.com_Easy-Resize.com
Com Arena Castelão entre os palcos, Brasil sediará a Copa do Mundo Feminina em 2027
Design sem nome (12)_Easy-Resize.com
Vagner Mancini reclama do campo da Arena Castelão em vitória do Ceará
foto site (52)
CBF suspende duas rodadas do Brasileirão por causa de cheias no RS
foto site (51)
Fortaleza empata com Boca Juniors aos 90 minutos e segue líder do grupo D na Sulamericana
logo-urbnews-redondo