MENU

Abastecimento de água potável via Israel é cortado na Faixa de Gaza, diz ONU

Os cerca de 34 brasileiros e familiares que aguardam autorização para deixar a Faixa de Gaza têm relatado dificuldade em encontrar água potável.
Segundo as Nações Unidas, o consumo de água pela população da Faixa de Gaza está 92% menor do que no período pré-hostilidades. (Foto: Mídias sociais)

O único abastecimento de água que ainda entrava na Faixa de Gaza via Israel foi totalmente cortado nessa segunda-feira (30), segundo informações do Escritório das Nações Unidas para Assuntos Humanitários (Ocha). A entidade da ONU afirma que as razões para o corte são desconhecidas. Israel, por outro lado, informa que não há falta de água na região.

Agora, segundo o Ocha, o fornecimento de água potável está agora restrita à ajuda humanitária que entra via Egito. Os cerca de 34 brasileiros e familiares que aguardam autorização para deixar a Faixa de Gaza pela fronteira egípcia tem relatado dificuldade em encontrar água potável.

Dos 143 caminhões com ajuda humanitária que entraram em Gaza desde o dia 21 de outubro, apenas 15 transportavam água potável (galões e garrafas), tanques de água, equipamento de purificação de água e kits de higiene.

Ainda segundo as Nações Unidas, o consumo de água pela população está 92% menor do que no período pré-hostilidades. O volume desse abastecimento chegou a oscilar ao longo dos dias de conflito, mas não havia sido ainda totalmente interrompido.

Também há fornecimento de água potável graças aos equipamentos de dessalinização da água do mar ainda em operação. “Na Área Central e no sul de Gaza segue em funcionamento duas centrais de dessalinização de água do mar com cerca de 40% da sua capacidade, juntamente com 120 poços de água e 20 estações de bombeamento”, diz o informe da Ocha.

A situação na parte norte do enclave palestino é ainda mais grave: “Nem a central de dessalinização de água, nem o duto israelense que abastece essas áreas estão operacionais”. Além disso, o transporte de água foi interrompido no norte de Gaza nesta segunda-feira (30) “devido às operações militares em curso”.

Informe israelense

Segundo um informe das Forças de Defesa de Israel com data de ontem, não há falta de água em nenhuma região do enclave: “não há falta de água na Faixa de Gaza.”

O documento diz ainda que no último sábado (28) Israel abriu um segundo canal para envio de água a Gaza, “elevando o total de suprimento de água potável para 28,5 milhões de litros por dia”

Com informações da Agência Brasil.

20
Compartilhe:
Mercado
Clima/Tempo
Mais Lidas
Governo do Ceará combate a insegurança alimentar no Estado com o Programa Ceará Sem Fome
Ceará Credi transforma pessoas e a economia por meio de incentivo a pequenos empreendedores
Conheça as 8  fotos mais famosas do mundo e a história por trás de cada uma delas
Mais de 1000 Cozinhas Ceará Sem Fome levam alimento diário a famílias em todo o Estado
A história que você não conhece: a ligação de uma cidade cearense à Independência do Brasil
‘Evidências do Amor’, filme estrelado por Sandy e Fábio Porchat, tem ar de comédia romântica clássica
Prefeitura de Fortaleza é a primeira do Norte e Nordeste no ranking de matrículas na Educação Inclusiva
Teresina não terá aumento da passagem de ônibus, anuncia secretaria
Confira a programação de 13 de Maio, Dia de Nossa Senhora de Fátima, em Fortaleza, nesta segunda-feira
Relíquias de Santa Teresinha poderão ser visitadas por Fortaleza a partir desta quinta (25)

Notícias relacionadas:

Trump chama Kamala de lunática  radical em 1º comício desde desistência de Biden
Mundo
Trump chama Kamala de lunática radical em 1º comício desde desistência de Biden
President Biden addresses his decision to step out of presidential race - frame at 0m14s
Mundo
Defesa da democracia é mais importante do que qualquer cargo, diz Biden
Uma em cada 11 pessoas pode ter passado fome no mundo em 2023; Brasil tem saldo positivo
Mundo
Uma em cada 11 pessoas pode ter passado fome no mundo em 2023; Brasil tem saldo positivo
Após ataque de tubarão, perna de surfista é encontrada em outra praia na Austrália
Mundo
Após ataque de tubarão, perna de surfista é encontrada em outra praia na Austrália
logo-urbnews-redondo