MENU

Inteligência artificial afetará 40% dos trabalhos, afirma Fundo Monetário Internacional 

Entidade alerta que a IA poderá agravar as desigualdades salariais e que os mais afetados serão a classe média
o Fundo Monetário Internacional (FMI) prevê que 40% dos empregos sejam afetados em todo o mundo. Foto: Freepik

Com o avanço da Inteligência artificial (IA), o Fundo Monetário Internacional (FMI) prevê que 40% dos empregos sejam afetados em todo o mundo. Os principais países a sofrer esse impacto seriam as economias mais avançadas, afirmou a diretora-geral do FMI.

Em entrevista à agência de notícias France-Presse (AFP) Kristalina Georgieva, diretora-geral do FMI, afirmou que para economias avançadas a porcentagem pode chegar a 60%. 

“No mundo, 40% dos empregos serão afetados. E mais: será o caso de quanto mais qualificado for o emprego. Portanto, para as economias avançadas e alguns países emergentes, 60% dos empregos serão afetados”, declarou a representante do FMI.

Georgieva ainda afirmou que os impactos não são necessariamente negativos, já que em certos casos podem resultar em “aumento dos rendimentos”

Os dados fazem parte do relatório divulgado pelo FMI antes das reuniões do Fórum Econômico Mundial em Davos, que começa nesta segunda (15).

O documento alerta que a IA poderá agravar as desigualdades salariais, e que os mais afetados serão a classe média, e que em contrapartida os trabalhadores que já possuem altos salários poderão ter seus salários “aumentarem mais do que a proporção”.

A diretora-geral ainda afirmou que o impacto é certo e que a IA pode acabar com alguns empregos e melhorar outros. Para ela, a prioridade deve ser ajudar os trabalhadores afetados pelas mudanças. 

De acordo com o relatório, Singapura, Estados Unidos e Canadá são os países que estão mais preparados para a inteligência artificial. A diretora demonstrou receio com o risco de abandono escolar nos estados mais pobres por conta das IAs.

“Devemos agir rapidamente, permitindo-lhes aproveitar as oportunidades oferecidas pela IA. A verdadeira questão será deixar de lado os receios ligados ao setor para nos concentrarmos em como obter o melhor benefício para todos”, afirmou Georgieva.

Segundo ela, no contexto de crescimento global se faz necessário elementos capazes de aumentar a produtividade. 

“A IA pode ser assustadora, mas também pode ser uma grande oportunidade para todos”. observou.

24
Compartilhe:
Mercado
Clima/Tempo
Mais Lidas
Governo do Ceará combate a insegurança alimentar no Estado com o Programa Ceará Sem Fome
Ceará Credi transforma pessoas e a economia por meio de incentivo a pequenos empreendedores
Mais de 1000 Cozinhas Ceará Sem Fome levam alimento diário a famílias em todo o Estado
A história que você não conhece: a ligação de uma cidade cearense à Independência do Brasil
Conheça as 8  fotos mais famosas do mundo e a história por trás de cada uma delas
Prefeitura de Fortaleza é a primeira do Norte e Nordeste no ranking de matrículas na Educação Inclusiva
‘Evidências do Amor’, filme estrelado por Sandy e Fábio Porchat, tem ar de comédia romântica clássica
Relíquias de Santa Teresinha poderão ser visitadas por Fortaleza a partir desta quinta (25)
Confira a programação de 13 de Maio, Dia de Nossa Senhora de Fátima, em Fortaleza, nesta segunda-feira
Confira os horários das missas nas paróquias de Fortaleza durante a Semana Santa

Notícias relacionadas:

Fotos
Economia
Economia do Ceará cresce 4,4% no primeiro trimestre de 2024 e tem o melhor índice do Nordeste
Modelo ajuste foto (1)
Economia
Senado vai devolver proposta do governo que restringe uso de créditos do PIS/Cofins
economia_1609210423_0
Economia
Inflação de maio sobe para 0,46%, influenciada pelos alimentos, segundo IBGE
foto site (64)
Economia
Postos se preparam para aumento no preço da gasolina nesta semana
logo-urbnews-redondo