MENU

Senado aprova projeto que prevê auxílio-aluguel para mulheres vítimas de violência

O texto aprovado de forma simbólica no Plenário, sem manifestações contrárias, agora segue à sanção presidencial.
O texto aprovado de forma simbólica no Plenário, sem manifestações contrárias, agora segue à sanção presidencial. Foto: Waldemir Barreto / Agência Senado.

Foi aprovado no Senado, o projeto de lei 4.875/2020, que prevê o pagamento de auxílio-aluguel, por até seis meses, para mulheres vítimas de violência doméstica em situação de vulnerabilidade social e econômica. O PL é de autoria da deputada federal Marina Santos (Solidariedade/PI).

O texto, que altera a Lei Maria da Penha (Lei 11.340, de 2006), recebeu parecer favorável da senadora Margareth Buzetti (PSD-MT). O pagamento do aluguel será concedido por um juiz e poderá ser financiado por estados e municípios, com recursos originalmente destinados à assistência social.

“Trata-se de disposição que reforça a proteção conferida pela Lei Maria da Penha às vítimas para que, mediante tal auxílio, possam encontrar moradia e guarida adequadas quando se depararem com situações de ameaça, hostilidade e violência que tornem necessária a saída de seus lares”, justificou Buzetti. 

O texto aprovado de forma simbólica no Plenário, sem manifestações contrárias, agora segue à sanção presidencial. 

“O prazo máximo de seis meses de duração para o auxílio-aluguel demonstra sua natureza temporária e delimita seu impacto financeiro-orçamentário, o que reforça, assim, a viabilidade de sua implementação”, apontou a relatora.

O Fórum Brasileiro de Segurança Pública estimou que cerca de 18,6 milhões de mulheres foram vítimas de violência no Brasil em 2022. Em média, as mulheres vítimas de violência foram agredidas quatro vezes ao longo do ano passado. Entre as divorciadas, a média foi de nove agressões em 2022.

21
Compartilhe:
Mercado
Clima/Tempo
Mais Lidas
Governo do Ceará combate a insegurança alimentar no Estado com o Programa Ceará Sem Fome
Ceará Credi transforma pessoas e a economia por meio de incentivo a pequenos empreendedores
Mais de 1000 Cozinhas Ceará Sem Fome levam alimento diário a famílias em todo o Estado
A história que você não conhece: a ligação de uma cidade cearense à Independência do Brasil
Conheça as 8  fotos mais famosas do mundo e a história por trás de cada uma delas
Prefeitura de Fortaleza é a primeira do Norte e Nordeste no ranking de matrículas na Educação Inclusiva
Relíquias de Santa Teresinha poderão ser visitadas por Fortaleza a partir desta quinta (25)
Confira os horários das missas nas paróquias de Fortaleza durante a Semana Santa
Confira a programação de 13 de Maio, Dia de Nossa Senhora de Fátima, em Fortaleza, nesta segunda-feira
Nova série da Urbnews traz vidas transformadas por ações do Governo do Ceará

Notícias relacionadas:

Bp1A60IsPbDHot92 - frame at 0m21s
Lula diz que a “tendência é vetar” taxação sobre compras online: “muita bugiganga”
Design sem nome (9)
Comissão do Senado aprova castração química para reincidentes em crimes sexuais
Fotos (5)
TRE do Rio de Janeiro absolve Cláudio Castro e mantém seu mandato como governador
foto site - 1
STF proíbe desqualificação de mulher vítima de violência sexual
logo-urbnews-redondo