MENU

Deputado usa bonecos para simular aborto em sessão do Congresso

A fala do deputado foi direcionada ao STF, por conta de uma decisão que autorizou o procedimento para interrupção de gravidez em casos de estupro
O deputado Dr. Zacharias Calil (União-GO) simulou como é feita uma assistolia fetal ao lado de outros deputados. Foto: Reprodução/Tv Senado

O deputado Dr. Zacharias Calil (União Brasil-GO) simulou como é feita uma assistolia fetal durante uma sessão do Congresso Nacional nesta terça-feira (28). Na ocasião, o parlamentares discutiam vetos presidenciais. A fala de Calil foi direcionada ao STF (Superior Tribunal Federal), por conta de uma decisão que autorizou o procedimento para interrupção de gravidez em casos de estupro.

O deputado criticou a decisão do ministro Alexandre de Moraes de suspender uma resolução do Conselho Federal de Medicina (CFM) que dificultava o acesso ao aborto para vítimas de estupro. No plenário, Calil, que também é médico, fez uma demonstração do que seria uma assistolia fetal e chamou o procedimento de “feticídio”.

“Isso é feticídio. Nós não podemos permitir que isso aconteça com nossas crianças. Isso é proibido no Conselho Federal de veterinários, em animais, isso é proibido na pena de morte”, discursou Calil.

A norma do CFM, agora suspensa por Moraes, proíbe a utilização da técnica clínica de assistolia fetal para a interrupção de gestações acima de 22 semanas decorrentes de estupro. A ação foi movida pelo Partido Socialismo e Liberdade (Psol).

Também nesta terça-feira, a Comissão de Previdência, Assistência Social, Infância, Adolescência e Família da Câmara dos Deputados promoveu uma audiência pública sobre a resolução do CFM.

O debate foi solicitado pela deputada Chris Tonietto (PL-RJ), que defende que, com a resolução, o Conselho Federal não promoveu nenhuma inovação, mas tão somente agiu de acordo com suas prerrogativas.

Ela explica que o procedimento facilita o aborto entre o quinto e o nono mês de gestação. “Sem a assistolia, o bebê muito provavelmente nasceria vivo e teria que ser morto fora do útero,  num procedimento traumático inclusive para os profissionais da área da saúde que se dispõem a realizar abortos”, afirma a deputada.

47
Compartilhe:
Mercado
Clima/Tempo
Mais Lidas
Governo do Ceará combate a insegurança alimentar no Estado com o Programa Ceará Sem Fome
Ceará Credi transforma pessoas e a economia por meio de incentivo a pequenos empreendedores
Mais de 1000 Cozinhas Ceará Sem Fome levam alimento diário a famílias em todo o Estado
Conheça as 8  fotos mais famosas do mundo e a história por trás de cada uma delas
A história que você não conhece: a ligação de uma cidade cearense à Independência do Brasil
‘Evidências do Amor’, filme estrelado por Sandy e Fábio Porchat, tem ar de comédia romântica clássica
Prefeitura de Fortaleza é a primeira do Norte e Nordeste no ranking de matrículas na Educação Inclusiva
Relíquias de Santa Teresinha poderão ser visitadas por Fortaleza a partir desta quinta (25)
Confira a programação de 13 de Maio, Dia de Nossa Senhora de Fátima, em Fortaleza, nesta segunda-feira
Confira os horários das missas nas paróquias de Fortaleza durante a Semana Santa

Notícias relacionadas:

andré-fernandes-PL-prefeitura-fortaleza
Política
Pré-candidato à Prefeitura de Fortaleza André Fernandes (PL) participa do UrbCast nesta terça-feira (25)
NOTICIAS-5 (14)
Maranhão
Lula divide palanque com Juscelino após indiciamento pela PF e diz que está feliz com ministro
Camilo anuncia R$ 778 mi para educação no CE; IFCE terá novos campi em Messejana e São Gerardo
Ceará
Camilo anuncia R$ 778 mi para educação no CE; IFCE terá novos campi em Messejana e São Gerardo
Vinda de Lula para Fortaleza tem anúncios para a educação e entregas do ‘Minha Casa, Minha Vida’
Política
Vinda de Lula para Fortaleza tem anúncios para a educação e entregas do ‘Minha Casa, Minha Vida’
logo-urbnews-redondo